Estrategor Consultores de Gestão e Projetos de Investimento

Coaching: Tudo se iniciou com uma carruagem

Coaching: Tudo se iniciou com uma carruagem

De onde vem o Coaching?

A palavra coaching terá sido utilizada pela primeira vez na Hungria, durante a Idade Média, para designar o condutor de um meio de transporte que surgia então naquela altura: o condutor de carruagens, também conhecido como cocheiro. O trabalho destes homens era o de conduzir os cavalos, a partir do assento da frente da carruagem, para levar os passageiros até ao destino que desejavam. Dito desta forma, claro que é fácil perceber a metáfora aqui escondida.

Entretanto, na segunda metade do séc. XIX, professores e mestres de universidades começaram também a receber este termo. Eles eram vistos como treinadores ou, melhor dizendo, tutores: ajudavam os estudantes a prepararem-se para testes e exames e a delinearem o seu percurso profissional. O significado era o mesmo, os intervenientes é que eram substancialmente diferentes dos que agora conhecemos na atualidade.

Por fim, já em pleno séc. XX, o termo começa a ser frequentemente utilizado no mundo de desporto. Ainda hoje ouvimos naturalmente a apalavra “coach” nas noticias em inglês sobre futebol, basquetebol ou mesmo basebol. Estas figuras treinavam, desta vez equipas compostas por jogadores, para um propósito muito concreto: a vitória.

É também nesta altura que começa a surgir o termo coaching como o conhecemos e, sobretudo, utilizamos hoje.

 

O que é o coaching?

“O coaching consiste em ajudar alguém a pensar por si mesmo, a encontrar as suas respostas, a descobrir dentro de si o seu potencial, o seu caminho para o êxito, seja nos negócios, nas suas relações pessoais, na arte, desporto ou trabalho.”

John Whitmore (2002)

 

“O coaching é um conjunto de técnicas e processos de atuação dinâmica, utilizadas pelo Coach, que alavancam valências adormecidas nas pessoas, melhorando o seu desempenho pessoal e consequentemente o das organizações.”

Maria Clara Sequeira (2007)

 

O coaching ajuda a otimizar a gestão:

  • Da informação: melhora a capacidade de concentração, de aprendizagem, de criatividade…
  • Das emoções: melhora o controlo do stress, favorece a canalização das emoções…
  • Das relações: melhora a comunicação, otimiza a liderança, desenvolve a auto afirmação…
  • Da energia: controla a atividade mental, reforça a motivação, estimula a ambição…
  • Da imagem de si próprio: estimula crenças e pensamentos positivos e controla os negativos.

 

Coaching empresarial:

  • Melhora o trabalho em equipa;
  • Melhora relações interpessoais;
  • Reduz conflitos;
  • Estimula satisfação no trabalho;
  • Promove política de confiança e responsabilidade intra e extra organização.

Partilhar: